Um dos maiores cartões postais do Brasil, o Cristo Redentor, se localiza em uma Unidade de Conservação (UC). Assim como esse ponto turístico, centenas de outros destinos incríveis são protegidos dentro dessas áreas de proteção.  Em julho, o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC) completou 20 anos com um saldo de 335 UCs federais. Essas áreas são gerenciadas pelo ICMBio e espalhadas por todo o território nacional.  Há diferentes tipos de Unidades de conservação. O Parque Nacional da Tijuca, onde se localiza o Cristo Redentor, é um exemplo de Unidade de Proteção Integral. Essa categoria abrange reservas onde não é permitido o uso direto dos recursos naturais. Já nas Unidades de Uso Sustentável, como as Reservas Extrativistas, é permitido uso parcial e sustentável.  O objetivo das UCs é preservar áreas de grande relevância ambiental, assim como sua fauna e flora nativas. Delimitar essas regiões a serem preservadas é um passo muito importante para manutenção da diversidade do país.  A distribuição dessas áreas pelos estados do território nacional é de acordo com a extensão e as demandas de preservação. O estado com mais UCs federais é o Pará com 48 unidades, quase 20 vezes o número de unidades do Mato Grosso do Sul, que só possui 3 UCs. A variação é notável também entre os biomas brasileiros. A amazônia possui 129 áreas de preservação, enquanto pantanal e pampa possuem 2 cada. Essas diferenças também são relativamente proporcionais à extensão territorial do bioma. A instituição do SNUC foi de extrema importância para a preservação dessas áreas, mas não significa total segurança das unidades. Entretanto, mesmo após duas décadas, existem desafios importantes a serem superados para a conservação: repasses de recursos e atuação governamental nem sempre nas proporções necessárias, necessidade de apoio permanente dos visitantes ou moradores das regiões, além da fiscalização, para que essas áreas sejam devidamente respeitadas.  As UCs tem importante potencial turístico, histórico, educacional, econômico e ambiental. A preservação dessas zonas é essencial para manter o nosso ecossistema saudável.
Parque Nacional Serra da Capivara. Foto: Gabriella Castro

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *